Newsletter

Dicas

14
dezembro
2018
Por uma gengiva mais saudável

Apesar de sempre usarmos o termo “escovar os dentes” para se referir a higiene bucal, não podemos esquecer que este momento é importante para nossa boca de maneira geral, incluindo nossa gengiva. Essa camada rosada é responsável por cobrir todo osso alveolar, aquele que dá suporte aos dentes e, sem a devida limpeza,  sérias doenças inflamatórias, como a gengivite e a periodontite podem se desenvolver. Quando um dentista explica sobre higiene bucal a um paciente, ele não está focando apenas na remoção de todas as bactérias e restos dos alimentos. A escovação dentária abrange o chamado complexo dento-gengival.

Uma higiene bucal periódica feita após as refeições com uma escova macia, sem se esquecer do fio dental, já é o primeiro passo para manter essa região saudável.  O enxaguante bucal e a escova interdental, para pacientes ortodônticos, promovem um resultado melhor para a limpeza. A higiene, além de manter a saúde do complexo dento-gengival, impede outro problema de tamanha importância: o mau hálito. Lembrando que, não podemos deixar de priorizar as consultas com o dentista para garantia total de sua saúde bucal.

Fumar é um habito que traz danos a nossa gengiva, já que o tabaco inibe a produção de saliva, diminui a circulação sanguínea local e isso faz com que haja uma desarmonia das células de defesa da saliva e do sangue, o que faz aumentar o número de bactérias.

O consumo exagerado de bebida alcoólica e de enxaguantes bucais com álcool, também prejudica a saúde de nossa gengiva. Essa substância resseca muito a boca e deixa, mais uma vez, o ambiente sem a proteção da saliva.

Agora que você já sabe as melhores maneiras de cuidar da sua gengiva, coloque em prática e veja o resultado de um sorriso saudável!